Follow us Follow us Rss Feed
login

Mergulhando em dados: colaboração e inovação nas humanidades

Como a computação e as demais ciências colaboram para o avanço do conhecimento nas humanidades? O CCSL convida todos a saber mais sobre o papel da computação ao longo dos 50 anos da Agência Nacional de Fomento para as Humanidades americana (US National Endowment for the Humanities --- NEH), que culminou com a criação do Escritório de Humanidades Digitais (Office of Digital Humanities --- ODH) em 2008. O escritório foi responsável por oferecer financiamento a pesquisas para novas abordagens a questões da área de humanas através de programas como subvenções iniciais, criando infraestrutura para pesquisadores e cientistas, e desenvolvendo oportunidades para colaboração interdisciplinar, como o desafio "digging into data". Nesta apresentação, Jason Rhody apresentará exemplos de descobertas recentes feitas em projetos baseados em conjuntos de dados grandes e pequenos --- de milhões de jornais a centenas de imagens de múmias do mundo --- e no estímulo à colaboração entre ciências e humanidades.

Título: Digging into Humanities Data: Fostering Collaboration and Innovation in the Humanities

Data: 24/10/2014

Horário: 14:00h

Local: Auditório Jacy Monteiro, bloco B do IME/USP

Palestrante: Jason Rhody

Bio: Jason Rhody é coordenador sênior no Escritório de Humanidades Digitais (Office of Digital Humanities --- ODH) da Agência Nacional de Fomento para as Humanidades (National Endowment for the Humanities - NEH) dos EUA, onde promove o desenvolvimento e financiamento de projetos que utilizam tecnologias emergentes para impulsionar a pesquisa em humanidades, incentivam o questionamento sobre os aspectos humanos da cultura digital e facilitam a colaboração para além dos limites de áreas de conhecimento ou de fronteiras nacionais. Ele desenvolveu programas de financiamento conjuntos com parceiros internacionais, como o Reino Unido e a Alemahha, e continua a cultivar iniciativas com outras agências de fomento. Jason é PhD em Inglês pela Universidade de Maryland e seus interesses de pesquisa acadêmica incluem design de livros e interfaces na literatura dos séculos XX e XXI, teoria da narrativa e estudos sobre jogos. Antes de iniciar seu trabalho no NEH em 2003, ele geria e orientava projetos em humanidades digitais no Insituto de Tecnologia em Humanidades de Maryland (MITH) e ministrava cursos sobre literatura e mídia digital.